Bolsonaro assina MP que assegura pensão especial às famílias com crianças com microcefalia



Michelle Bolsonaro veio a Campina Grande conhecer os serviços de
tratamento de microcefalia (Foto: Arquivo)


O presidente Jair Bolsonaro assina, em solenidade no Palácio do Planalto nesta quarta-feira (04), de assinatura de Medida Provisória (MP) que assegura pensão especial às famílias com crianças vítimas da microcefalia decorrente do Zika Vírus. A primeira-dama Michelle Bolsonaro, que assumiu em Campina Grande a bandeira pela causa, participa do evento. O prefeito de Campina Grande foi convidado para a solenidade.
 

O evento acontece às 15h30 desta quarta-feira (04). Como madrinha da iniciativa, Michelle assumiu o compromisso pela bandeira durante uma visita a Campina Grande, em abril deste ano, quando conheceu de perto os resultados da parceria do governo federal com a Prefeitura de Campina Grande no Centro Dia - uma unidade de serviço do Sistema Único de Assistência Social administrada pela Secretaria de Assistência Social (Semas) e referência nacional para o programa especializada no acolhimento às famílias com crianças atingidas pela doença.

Durante a visita, na companhia do ministro Osmar Terra, da Cidadania, a primeira-dama se emocionou com os relatos das mães que enfrentam uma série de adversidades por conta da dedicação quase exclusiva que têm de dar ao seus filhos vítimas da microcefalia. 

Foi exatamente durante um encontro mais direto de Michelle Bolsonaro com as famílias atendidas pelo Centro que a proposta-desafio foi apresentada à primeira-dama do Brasil por uma das mês presentes: que ela conversasse com o marido e presidente no sentido de que se viabilizasse uma assistência mais permanente às crianças e seu núcleo familiar, com a instituição de uma bolsa ou um benefício similar. Emocionada, Michelle prometeu se empenhar pela causa. 

Por sugestão do ministro Osmar Terra, o prefeito Romero Rodrigues embarcou para Brasília na companhia de mães assistidas pelo programa em Campina Grande. A coordenadora do Centro Dia campinense, Leila Nóbrega, também participa da solenidade no Palácio do Planalto. A secretária Eva Gouveia, da Semas, em virtude de um procedimento cirúrgico, não poderá viajar a Brasília.

Serviços 

Entre os serviços oferecidos no Centro Dia de Campina Grande constam: atividades que permitam a convivência em grupo; cuidados pessoais; fortalecimento das relações sociais e familiares; apoio e orientação aos cuidadores familiares. Os participantes terão ainda acesso a outros serviços e a tecnologias que proporcionarão autonomia e convivência, uma forma de auxiliar na redução do estresse decorrente dos cuidados prolongados na família.

O Centro Dia possui capacidade para atender 60 crianças e suas famílias, por turno, recebendo cuidados de diferentes profissionais: assistentes sociais, psicólogos, psicopedagogos, terapeuta ocupacional e cuidadores. Todos esses profissionais estão capacitados para desenvolver um trabalho de assistência às famílias das crianças com microcefalia e doenças associadas.
ClickPb

19:45
03/09/2019

clickmonteiro.com.br

0 comentários:

Postar um comentário