Igreja Universal é condenada por esterilização de pastores



© Divulgação- Ex-pastores acusam a Igreja Igreja Universal do Reino de Deus
de forçar a fazerem vasectomia

A Justiça do Trabalho condenou a Igreja Universal do Reino de Deus por forçar ex-pastores a fazerem vasectomia.


A prática, segundo contam ex-pastores nos processos, garante o ingresso, a permanência ou a ascensão nos quadros da igreja.

Ex-pastores acusam a Igreja Igreja Universal do Reino de Deus de forçar a fazerem vasectomia

De acordo com reportagem da Folha, as alegações e os relatos dos religiosos são similares.

No caso mais recente, o TRT-2 (Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo) impôs à Universal uma indenização de R$ 115 mil por danos morais e materiais ao ex-pastor Clarindo de Oliveira, 44.

Na decisão do último dia 7 de maio, a desembargadora Silvana Ariano disse que há a confirmação da “prática de imposição de vasectomia” pela Universal.

Segundo a magistrada, a prática “se constitui em grave violação ao direito do trabalhador ao livre controle sobre seu corpo e em indevida intromissão do empregador na vida do trabalhador”.

MSN

21:18
09/06/2019

clickmonteiro.com.br

0 comentários:

Postar um comentário