Polícia frustra tentativa de resgate de presos e apreende arma usada pelos suspeitos em Sousa





A Polícia Militar frustrou uma tentativa de resgate de presos da Colônia Penal Agrícola de Sousa, que aconteceu por volta das 2h desta segunda-feira (21), no Sertão Paraíba. A reação imediata da PM fez os autores da ação fugirem e abandonarem uma das armas usadas na ação, após um cerco montando por equipes do 14º Batalhão, do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e 6º BPM.


Conforme informações do comandante do 14º Batalhão, tenente-coronel Jurandy Pereira, dois saíram de dentro de uma mata atirando contra o muro do estabelecimento prisional, quando os policiais que estavam na guarita revidaram aos disparos. “Eles estavam com mochilas nas costas, possivelmente com algum material explosivo. Houve o revide por parte dos nossos policiais e, em seguida, de forma rápida, mobilizamos todo um apoio que frustrou os planos da tentativa de resgate que eles pretendiam”, disse.

Os suspeitos fugiram por uma mata, abanando uma espingarda no trajeto. Os policiais militares se dividiram entre buscas na região e na ocupação dentro do presídio, onde encontraram dois portões que davam acesso aos pavilhões abertos.

O comandante do 14º Batalhão detalhou ainda que já estabeleceu medidas em conjunto com a direção do presídio para tentar identificar presos envolvidos na ação criminosa. “A unidade tem cerca de 250 apenados, haverá remanejamento de presos para outras unidades e nesta segunda-feira estaremos fazendo uma revista em toda a unidade, em buscas de colher mais informações que identifiquem envolvidos neste plano de fuga, que foi prontamente frustrado”, completou.

Toda a região passará a ter um reforço após o fato, inclusive com levantamentos para chegar aos suspeitos que chegaram atirando e, consequentemente, à quadrilha da qual eles faziam parte.
Secom-PB

20:53
21/01/2019

clickmonteiro.com.br

0 comentários:

Postar um comentário