Ex-presidiário, alvo de perseguição a Uber morre após ser baleado na cabeça





O passageiro de 31 anos identificado como sendo Samuel Alves da Silva, atingido com um tiro na cabeça, enquanto estava em um veículo Uber não resistiu aos ferimentos e morreu, na tarde desta quinta-feira (18). O crime aconteceu em Campina Grande, onde o motorista do veículo também morreu.


Samuel Alves, conhecido como Sombra, seria o alvo dos bandidos. Ele foi atingido por quatro tiros, um deles na cabeça. O motorista de Uber Alan Nogueira da Silva, 25 anos, que o levava, morreu ainda no local.

De acordo com a polícia, Samuel é ex-presidiário e envolvido com tráfico de drogas e na comunidade do Pedregal.

Segundo a Polícia Civil, no momento dos disparos, uma criança de sete anos, que estava próximo da ocorrência, também foi atingida por uma bala perdida.

A criança foi socorrida para o Hospital de Emergência e Trauma da cidade. De acordo com a unidade, o homem está em situação grave; a criança foi atingida por um tiro na mão direita e o estado de saúde é estável.

A Polícia Civil segue investigando para prender os suspeitos do duplo homicídio.
portaldolitoral


19:37
18/10/2018

clickmonteiro.com.br

0 comentários:

Postar um comentário