Justiça decreta prisão de travesti que agrediu policiais militares. Veja o vídeo.





A travesti que agrediu física e verbalmente policiais militares durante uma confusão na última terça-feira (14/8) teve prisão decretada pela Justiça por volta das 14h, desta quinta-feira.


A acusada teve oportunidade de aguardar o processo em liberdade, desde que pagasse a fiança determinada pelo Núcleo de Audiências de Custódia (NAC), de R$ 1 mil e utilizasse o sistema de monitoramento, por meio de tornozeleira eletrônica. 


Em decisão do NAC, Bruna, como é conhecida, teria até às 11h30 de hoje para comprovar o depósito da fiança, o que não aconteceu. 


A determinação judicial será encaminhada aos órgãos de segurança para que cumpram o mandado de prisão da autora, que responde pelos crimes de de dano, resistência à prisão, desobediência a ordem policial e desacato. 


Ela está proibida de deixar o Distrito Federal, em decorrência do uso da tornozeleira.

Correio Braziliense

20:56
16/08/2018

clickmonteiro.com.br

0 comentários:

Postar um comentário