Homem entra no Trauma fingindo ser enfermeiro e usando macacão falso do SAMU.Veja vídeo da sua prisão



A coordenadora geral do Samu, Érika Rivenna, nesta quarta-feira (1º), revelou que o macacão usado por Fernando Mororó dos Santos Júnior é falso. Ele é acusado de se passar por enfermeiro de uma unidade do Serviço de Atendimento e entrar de maneira irregular no Hospital de Trauma de João Pessoa Senador Humberto Lucena durante a madrugada.


Érika explicou que o macacão, assim como as botas do fardamento, não pode ser revendido, pois é entregue aos funcionários em comodato e precisa ser devolvido quando deixam o trabalho. Além disso, tais equipamentos de proteção individual seguem um padrão nacional e precisam ser aprovados pelo Ministério da Saúde.


“O macacão que ele estava usando é falso, muito diferente do original. Na manga, por exemplo, ele tem uma bandeira da Paraíba e do Brasil, mas a oficial tem um porta-objetos nesse lugar. Outra coisa, faltam faixas refectivas obrigatórias, assim como uma faixa na lateral que, no Samu é laranja e vermelha, na dele são duas largas vermelhas, o que não está de acordo. Apesar disso, um leigo poderia achar que é uma farda verdadeira”, explicou Érika à TV Arapuan.
Yves Feitosa/David Martins
Paraíba. com


19:09
01/08/2018

clickmonteiro.com.br

0 comentários:

Postar um comentário