Procurador da AGU ganha R$ 26 mil para viver na Europa sem trabalhar


 (REPRODUÇÃO/Reprodução)
Procurador da Advocacia-Geral da União, Sandro Alex de Souza Simões vive há dois anos em Lisboa com uma licença remunerada do órgão.


Para não fazer absolutamente nada, ele embolsa por mês R$ 26.127,94

Além da evidente ilegalidade, o procurador também está à procura de emprego na Europa.

Numa recente troca de mensagens para uma vaga, Simões diz que reside em Lisboa com mulher e filhos desde 2016. Segundo ele, “decidimos aqui permanecer definitivamente”.

Sandro prossegue, dizendo-se “atualmente licenciado para estudos em Portugal, onde realizo investigação de pós-doutoramento”.

O problema é que, no site do Portal Transparência, seu status para licença é negativo (ver abaixo).

 (Reprodução/Reprodução)


Também podem ser consultados seus vencimentos relativos ao período de setembro de 2017 a fevereiro de 2018.

 (Reprodução/Reprodução)
Atualização:
A Advocacia-Geral da União informa que já está tomando todas as medidas correicionais relativas ao caso.
Veja.com

21:30
23/04/2018

clickmonteiro.com.br

0 comentários:

Postar um comentário