Pane na válvula de pressurização força avião do governador da Paraíba a fazer pouso forçado


Aeronave apresentava problema na válvula de pressurização da cabine
(Foto: Reprodução)
Na semana passada o avião em que o governador Ricardo Coutinho (PSB) voltava de uma viagem a Brasília sofreu uma pane no ar.


Segundo informações, o Turbo-hélice bimotor King Air enfrentava um problema antigo na válvula de pressurização que acabava acionando sistemas de emergência dentro da aeronave. Enquanto estavam sobrevoando o estado de Sergipe, o problema teria feito as máscaras de oxigênio da cabine de passageiros caírem.

De acordo com informações, o problema já havia sido relatado por um deputado à Casa Militar, responsável pela manutenção da aeronave. O King Air é um turbo-hélice preparado para voos acima de 13 mil pés. A pressurização na cabine é mantida pela válvula de pressurização, que foi a peça que deu problema.

O piloto teve que fazer um pouso forçado nas imediações de Aracaju. Outro avião, modelo Sêneca 5, foi até a cidade buscar o governador e chegou a João Pessoa, pousando no aeroporto Castro Pinto, sem maiores problemas.
Nas redes sociais, o secretário executivo de Comunicação do Estado, Tião Lucena, afirmou que o problema verificado foi insignificante e não colocou em risco a segurança do avião.

Este não é o primeiro acidente de avião pelo qual o governador Ricardo Coutinho passou durante sua gestão na Paraíba. Em janeiro de 2013 o avião que levava o governador sofreu uma pane e foi obrigado a fazer uma aterrisagem no aeroclube de São José da Mata. De acordo com as primeiras informações, a comitiva do governador e a tripulação não sofreram nenhum ferimento.
ClickPb

18:47
31/03/2018


clickmonteiro.com.br

0 comentários:

Postar um comentário