Cerca de 40 mil litros de soda cáustica vazam no Rio Gramame e Defesa Civil emite alerta de urgência




Cerca de 40 mil litros de soda caústica (Hidróxido de sódio) vazaram para o Rio Gramame, que fica nos limites das cidades de João Pessoa e Conde, por volta das 12h desta sexta-feira (9).



Segundo a Defesa Civil da capital, o material é de uma estação de tratamento de água da Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa), que não conseguiu conter o vazamento da substância.

A assessoria da Cagepa, às 15h30, estava apurando o caso para emitir um esclarecimento oficial.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil de João Pessoa, Noé Estrela, a Cagepa colocou na água do Rio Gramame – principal fonte de abastecimento de água da Região Metropolitana da capital – uma substância inoculante, que neutraliza os efeitos da soda cáustica.

“É pouco provável que não haja mortes de peixes”, disse Noé. Ele afirmou que ainda não é possível mensurar os danos ambientais do vazamento, mas que a Cagepa se dispôs a fazer análises da água sempre que solicitado.

G1

2:10
09/02/2018

clickmonteiro.com.br

0 comentários:

Postar um comentário