Selfie publicada no Face ajuda polícia a identificar assassina



Um detalhe na selfie acima ajudou a polícia canadense a identificar e prender uma assassina. A história chocou as redes sociais.


A garota da direita, Brittney Gargol, de 18 anos, foi estrangulada por ninguém menos que sua melhor amiga, Cheyenne Rose Antoine, de 21 anos (a garota da esquerda). O assassinato aconteceu em março de 2015.

Cheyenne só foi condenada após a polícia visualizar essa selfie e perceber um detalhe nela. No clique, a jovem está usando o colar que usou para estrangular a amiga. O corpo da adolescente foi encontrado na beira de uma estrada, sendo que o colar foi achado a poucos metros dela. As informações são do site The Daily Mail .
Na tentativa de se livrar do crime, Cheyenne publicou no Facebook da amiga, logo após o assassinato, mensagens do tipo "Onde você está? Não tive notícias suas. Espero que você volte para casa em segurança”.

A assassina contou que cometeu o crime após uma discussão entre as duas.

Quando a polícia identificou a arma do crime na selfie das amigas, Cheyenne admitiu culpa e foi condenada a sete anos de prisão. “Nunca vou me perdoar. Nada que eu disser ou fizer vai trazê-la de volta. Estou muito, muito arrependida. Isso não devia ter acontecido”, contou.

Catraca Livre

20:06
18/01/2018

clickmonteiro.com.br

0 comentários:

Postar um comentário