Irmão e esposo de secretária de saúde são presos durante operação policial no sertão


Além da apreensão de armas,
a polícia ainda prendeu outros suspeitos na operação. (Foto: Reprodução)
A polícia Militar em conjunto com a Polícia Civil deflagrou na manhã desta quarta-feira (29), uma operação contra os suspeitos de ter envolvimento na morte de um funcionário do Samu, que havia denunciado irregularidades na Secretaria de Saúde. A operação foi deflagrada na cidade de Sousa, Sertão do Estado, e foi denominada de Operação Mordaça.


Um dos presos na operação foi o irmão da secretária de Saúde de Sousa, Marlon Marques. Com o marido da secretária, Rommel Marques, que também foi preso, foram apreendidas uma pistola e munições.

Segundo informações da polícia, sete armas de fogo foram apreendidas durante a operação, além de várias munições. Ao todo, sete pessoas foram detidas pelos policiais.

O condutor-socorrista do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) na cidade de Sousa, Gervásio Bernardo, foi agredido a pauladas e sofreu um tiro na perna direita quando chegava em sua residência. Ele informou que estava com os filhos quando foi surpreendido por dois homens em uma moto. Gervásio é conhecido por utilizar suas redes sociais para fazer denúncias contra a gestão municipal. Recentemente ele denunciou perseguições a servidores do Samu.

Fonte:ClickPb

17:06
29/11/2017

clickmonteiro.com.br

0 comentários:

Postar um comentário